abramente.com

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Home Finanças Pessoais Você não poupa porque seus pais não poupavam

Você não poupa porque seus pais não poupavam

E-mail Imprimir PDF

Porque temos dificuldade de poupar?

Algum dia você já se perguntou por que tem tanta dificuldade em guardar dinheiro? Eu já, várias vezes. Não fique chateado, você não está sozinho, principalmente aqui no Brasil.

Acontece que poupar é um hábito e eu desconheço alguém que tenha nascido poupador. Simplesmente porque hábitos precisam ser praticados, é como escovar os dentes ou pentear o cabelo, você sabe que precisa fazer todos os dias, várias vezes ao dia. Isso porque um dia alguém lhe ensinou e você passou a praticar, então formou-se o hábito.

Sabe por que o brasileiro tem tantas dificuldades em economizar, mas se endivida com muita facilidade? Porque aqueles que são responsáveis pela sua educação não se preocuparam em construir uma consciência voltada para a racionalização financeira: seus pais e o sistema de ensino.

Seus pais não poupavam e ainda contraíam dívidas para adquirir bens. E o pior, às vezes ainda falavam assim: "sem prestação não tem como conseguir as coisas". Você ouviu isso por tantos anos que quando saiu de casa a desgraça já estava feita. Não os culpe, eles são tão vítimas quanto você.

É, mas seus pais não estão sozinhos nisso. O sistema de ensino tem grande parcela da responsabilidade, afinal, são eles que nos preparam para a vida fora do seio familiar. As instituições de ensino não trabalham a educação financeira dos jovens brasileiros e o resultado disso são as gordas estatísticas de endividamento pessoal de nosso país.

Isso não é tudo. Eu andei pesquisando bastante sobre o assunto e fazendo também uma introspecção para ver se descobria mais sobre o motivo de termos tanta dificuldade em guardar dinheiro. Uma das conclusões a que cheguei é que somos exageradamente imediatistas.

O que uma coisa tem a ver com outra? Tudo! Poupar é algo que fazemos com os olhos no FUTURO. Para piorar, quando poupamos, precisamos racionalizar no presente alguns "confortos" conquistados para que haja a sobra e isso não nos agrada. Então ficamos adiando eternamente o início da poupança. Isso acontece com você também?

A coisa não pára por aí.

Nos últimos anos nunca esteve tão fácil conseguir financiamento. Um exemplo disso foi o estrondoso aumento das vendas das concessionárias de motos e automóveis. Se o crédito está fácil e abundante, não sentimos necessidade de poupar, porque a satisfação em sair da loja com o carro suprime a "dor do endividamento".

Os motivos que nos afastam naturalmente do hábito de poupar são os mais diversos e poderíamos escrever um livro sobre isso, mas hoje meu objetivo é outro. Ficarei muito feliz se este texto, de alguma forma, lhe fizer pelo menos pensar em reconsiderar a forma como conduz sua vida financeira no que diz respeito ao verbo poupar.

E agora é a hora em que eu tento convencer você, leitor(a), de que poupar é uma questão vital.

Vamos começar respondendo uma pergunta básica:

Porque poupar?

Se eu disser "porque sim" você vai ficar decepcionado, então vou tentar embasar melhor minha resposta... ;)

Assim como as desculpas para não poupar, os motivos pelo qual você deveria poupar não são poucos. Vamos a uma "pequena" lista:

1. Porque você vai ficar velho
Ah! Mas eu só tenho 25 anos, porque vou me preocupar agora com aposentadoria? Ora, quanto antes se preocupar com isso, maior será a gordura e antes poderá usufruí-la. Que tal se aposentar aos 45 ao invés de aos 60 (mulher) ou 65 (homem)? Você não precisa parar de trabalhar aos 45, mas terá certamente uma vida muito mais tranqüila com os recursos que economizou. E se você tem 30 ou mais de idade, não se desespere, em média o brasileiro começa a se preocupar em economizar nessa faixa de idade.

2. Porque você vai valendo cada vez menos para o mercado
Sim, o tempo passa e o seu valor como profissional diminui. Na verdade, por um tempo você investe na sua formação e seu salário cresce proporcionalmente, você vale o que pesa. Mas o mercado é cruel e quando você estiver chegando aos seus 40 anos não conseguirá mais acompanhar a evolução das coisas, que mudam cada vez mais rapidamente, e ao natural começará a perder aquele gás para fazer cursos de reciclagem. Além disso, agora você tem família, filhos, e isso toma muito tempo, diferente da época quando era recém formado. Na hora em que o seu salário estagnar, se tiver se preparado será a hora de usufruir da gordura acumulada.

3. Economizando, o seu dinheiro vale mais
Quando temos dinheiro para comprar à vista geralmente conseguimos bons descontos. Além disso, diferente de quando compramos algo financiado, com o dinheiro resgatado das economias poderá comprar um bem mais valorizado, tecnologicamente mais avançado e sem depreciação. Isso sem contar que gastou menos porque não pagou juros! Se fizermos uma continha simples com estas variáveis, você verá que pode ganhar e muito com esse hábito, é uma questão de racionalizar o uso do dinheiro.

4. Calcule quanto dinheiro já passou por suas mãos
Faça um cálculo rápido da soma de todos seus salários e benefícios recebidos até esta data. Agora faça de conta que guardou 10% na poupança. Vamos lá, digamos que recebeu um salário médio mensal de R$ 800,00 por 10 anos, o que equivale a 120 salários + 10 décimos terceiros, o que dá 130 salários (130 x R$80,00). Se tivesse aplicado mensalmente esses 10% na poupança (poupança é uma das alternativas), considerando um juro médio de 0,65% por mês, estaria hoje com aproximadamente R$ 16.081,00. Mude os números para sua realidade e pense no que poderia fazer hoje com esse dinheiro.

5. Poupar é melhor que não poupar
Se você tivesse começado a poupar há 10 anos, como estaria hoje? Melhor ou pior? Você tem à sua disposição alguma gordura para queimar hoje caso aconteça algum imprevisto?

6. Porque poupando o dinheiro trabalha pra você
Se você economizar e investir seu dinheiro, ao final de um período disporá de recursos que lhe permitirão fazer coisas que somente com seu salário não conseguiria. Você poderá relaxar mais e trabalhar menos porque o dinheiro trabalhou por você. Gaste energia trabalhando quando você a tem em abundância e economize para poder viver as custa de suas reservas no futuro, é o milagre dos juros compostos.

7. Porque está perdendo dinheiro
Enquanto torra sua renda até o último centavo e faz dívidas para os próximos meses, está deixando de ganhar mais dinheiro. Quanto antes começar, maiores os lucros, maior o bolo e menor o tempo em que começará a usufruir.

8. Porque dá pra começar com qualquer valor
Não tem desculpa, qualquer sobra pode ser investida, o importante é guardar.

9. Porque a vida nos prega peças
Quando acontecerem imprevistos que ameaçam a sua vida financeira ou sua vida pessoal, o que é melhor: ter 5 anos de parcelas pra pagar ou ter uma grana reservada para emergências? O que é mais fácil apertar em uma hora de crise, o valor mensal que guarda na poupança ou o valor que paga todos os meses para a financeira que não pode atrasar porque pagará juros multas, correndo o risco de perder o bem?

(só mais um pra fechar 10 porque eu já estou cansando)

10. Porque o salário de aposentado é uma vergonha
Preciso comentar?

Eu vou parar por aqui porque o post está ficando muito grande, mas tem muitos outros motivos que poderia listar para convencê-lo(a).

Certo, entendi o recado. Mas como começo?

Trace uma meta para os próximos 6 meses, é um prazo legal para você "treinar". Defina um valor a que estará disposto reservar todo o mês para investir e, mais importante que isso, defina um objetivo para o dinheiro economizado. Isso o manterá entusiasmado ao ver que se aproxima do objetivo e que há progresso. Não esqueça que a economia é feita nos detalhes, veja as coisas pequenas do dia-a-dia que somadas podem fazer a diferença no final do mês.

Isso não é tudo para ter sucesso com sua economia, mas minha intenção hoje era de provar que é importante economizar e que a hora é AGORA. E por favor, não faça como seus pais, ensine seus filhos a economizar porque a escola não o fará.

Não perca os próximos artigos, vou apresentar idéias e ferramentas para organizar suas finanças pessoais.

Abraços, até a próxima e sucesso!

Última atualização em Dom, 27 de Maio de 2012 12:04  

Comentar

O proprietário do site se reserva o direito de não publicar seu comentário caso contenha conteúdo impróprio.


Código de segurança
Atualizar

O que procura?

Pesquisa personalizada

Linha em branco